Evangelização Infantil: dos 8 aos 14 anos


Com o objetivo de educar nossas crianças de 8 a 14 anos, a Tia Claudia organiza e promove aos sábados, a partir das 9h30, a Evangelização Infantil. Ela vem cuidando de nossos jovens como flores que se abrem em busca dos raios de sol.

A Evangelizadora possui um programa dentro de uma proposta pedagógica que busca incentivar a participação, a interação, o diálogo, o debate livre e o estudo em grupo. Ela sabe que é nessa fase de 8 a 14 anos que os jovens começam a sonhar, a criar expectativas, a entrar em contato de forma mais direta com o mundo material.

Assim, nossa Evangelizadora nos assegura que da mesma maneira como levamos nossas crianças às escolas regulares para formação intelectual, também as levamos à formação moral através das aulas da Evangelização Infantil.

Perguntamos à Tia Claudia qual seria a melhor maneira de iniciar uma criança dentro da Doutrina Espírita e ela nos respondeu: "Se essa criança é filha de pais espíritas, é mais fácil, pois não há nada como a vivência espírita dentro da própria família. Assim podemos facilmente usar os conceitos espíritas a respeito de Deus, da reencarnação, da imortalidade, e da existência do espírito.

E quando a criança não é espírita? "Uma das bases do trabalho de Pestalozzi era a de que "o amor é o eterno fundamento da educação".

Evangelização Infantil tem por objetivo a realização de atividades que proporcionam o desenvolvimento das capacidades de cooperação, companheirismo, desinibição, respeito, generosidade, esforço e julgamento. Apesar de faixas etárias às vezes muito diferentes, a Tia Claudia nos conta que se surpreende observando que a vivência dos mais velhos traz informações aos mais novos e que o contrário também acontece.

No hall de entrada do Núcleo está localizado o Painel dos Pingos de Luz, onde são expostos os trabalhos que as crianças, dos dois grupos, realizam. O painel foi feito para que elas possam expressar o sentimento e o aprendizado que vão adquirindo. Serve também para divulgar o que vem sendo realizado em benefício dessas crianças.

Autoria: 
Da redação